domingo, novembro 18Bem-vindo à bordo, Marinheiro!

Emprego

INSS vai aumentar teto para R$ 5.883 em 20195883 em 2019

INSS vai aumentar teto para R$ 5.883 em 20195883 em 2019

Emprego, Mais lidas, Notícias
Com a expectativa de salário mínimo em R$ 1.006 para 2019, já é possível prevê qual será o aumento dos salários e dos benefícios pagos pelo INSS. Essa semana, o Ministério do Planejamento atualizou em apresentação à Comissão Mista do Orçamento, a previsão para a inflação de 2018. Em julho, o governo estimava passar o piso dos salários e dos benefícios pagos pelo INSS de R$ 954 para R$ 1.002. O aumento ainda inclui uma estimativa de que o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) será de 4,20% neste ano, mais 1% de crescimento do país em 2017 e R$ 1,75 de diferença no mínimo, que não foram pagos neste ano. Com esse ajuste, portanto, o teto passará de R$ 5.645,81 para R$ 5.882,93, em 2019. Importante ressaltar que, além de ser referência de valor para salários, aposentadorias, pensõ
Mais de 3 milhões de brasileiros buscam emprego há mais de dois anos

Mais de 3 milhões de brasileiros buscam emprego há mais de dois anos

Emprego, Notícias, Pesquisas
Um em cada quatro desempregados busca emprego há dois anos ou mais, segundo dados divulgados esta semana na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No terceiro trimestre, o Brasil alcançou um recorde de 3,197 milhões de pessoas em busca de emprego há dois anos ou mais. No trimestre anterior, esse contingente era de 3,162 milhões de desempregados em busca de uma vaga há tanto tempo. Em relação ao terceiro trimestre de 2017, aumentou em 12,3% o contingente de desempregados há pelo menos dois anos. O nível de desocupação no total do país no terceiro trimestre de 2018 foi de 11,9%, ante 12,4% no segundo trimestre.
Grupo Ri Happy contrata temporários para final de ano

Grupo Ri Happy contrata temporários para final de ano

Emprego, Notícias
O Grupo Ri Happy Brinquedos abriu 10 vagas para contratação de profissionais temporários que vão atuar na cidade de Teresina no período das vendas de final de ano. São oportunidades para operador de caixa, vendedor, assistente de loja, auxiliar de pacote, caixa, fiscal de prevenção de perdas, fiscal de loja, auxiliar empacotador e auxiliar de loja. Essas são algumas das mais de 40 vagas abertas nesta sexta-feira (16) na plataforma de empregos Indeed. Há oportunidades temporárias e permanentes. A inscrição no site de contratações é gratuita. Entre as funções do operador de caixa na Ri Happy estão receber o pagamento de todas as vendas realizadas na loja; manter organizado o setor do caixa, separando recebimento em dinheiro, em cartão e Happy Vale; realizar o fechamento do caixa; e infor
Taxa de trabalhadores por conta própria chega a 31,9% no Piauí, segundo Pnad Contínua

Taxa de trabalhadores por conta própria chega a 31,9% no Piauí, segundo Pnad Contínua

Emprego, Notícias, Pesquisas
Um percentual de 25,4% da população ocupada no Brasil trabalha por conta própria. O dado foi revelado pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua) divulgada nesta quarta-feira (14) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), reverente ao terceiro trimestre de 2018. De um total de 92,6 milhões de pessoas ocupadas, 67,5% eram empregados (incluindo empregados domésticos), 4,8% empregadores e 2,4% de trabalhadores familiares auxiliares. Por Unidades da Federação, os maiores percentuais de trabalhadores por conta própria foram do Pará (34,6%), Maranhão (33,8%) e Amazonas (33,0%). O Piauí vem logo em seguida, no quarto lugar, com 31,9% de pessoas trabalhando por conta própria. A taxa do estado ficou acima da média nacional (25,4%). Nas Regiões
Piauí tem o segundo menor percentual de trabalhadores com carteira assinada, diz IBGE

Piauí tem o segundo menor percentual de trabalhadores com carteira assinada, diz IBGE

Emprego, Notícias, Pesquisas
O estado do Piauí registrou 54,1% dos empregados no setor privado com carteira de trabalho assinada no 3º trimestre de 2018, ficando atrás apenas do Maranhão (51,1%). Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua) divulgada nesta quarta-feira (14) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em todo o Brasil, 74,1% dos empregados tinham carteira de trabalho assinada, contra 75,3% no 3º trimestre de 2017, uma diferença de -327 mil pessoas. As Regiões Nordeste (58,7%) e Norte (60,7%) tinham os menores percentuais e a Região Sul (83,4%), o maior. Entre os trabalhadores domésticos, 28,9% tinham carteira de trabalho assinada. No mesmo trimestre do ano passado a proporção era de 29,7%. As UFs com os maiores percentuais foram Santa Catarin
Fórum Econômico Mundial aponta profissões em alta até 2022

Fórum Econômico Mundial aponta profissões em alta até 2022

Emprego, Notícias, Pesquisas
O relatório anual conhecido como Future of Jobs elaborado pelo Fórum Econômico Mundial (em inglês, World Economic Forum) apontou previsões sobre as principais profissões em alta e emergentes, além de alguns aspectos que marcarão o futuro do mercado de trabalho. Baseado em uma pesquisa extensiva com chefes executivos e de recursos humanos de grandes empresas globais, o relatório de 2018 mostra que as expectativas são, em maior parte, otimistas. Isso porque as ocupações emergentes e crescentes devem compensar os empregos que estarão em declínio. “Em todas as indústrias, até 2022, o crescimento em profissões emergentes está definido para aumentar a sua quota de empregos de 16% para 27% (11% de crescimento) do total de empregados dos respondentes, enquanto a parte de empregos de ocupações
Indeed tem mais de 30 vagas para Teresina

Indeed tem mais de 30 vagas para Teresina

Emprego, Notícias
A plataforma de empregos Indeed está anunciando mais de 30 vagas para Teresina. Há vagas para gerentes, atendentes, aprendiz, operador de call center, vendedor e assistente de loja, entre outras. O destaque é a oportunidade para gerente administrativo financeiro na Nextcompany em Teresina. O salário para a função pode chegar a R$ 2.500 por mês. Para se candidatar, é preciso ter ensino superior completo ou em andamento na área de Administração ou afins. A empresa pede ainda conhecimento em Gestão de Pessoas, Gestão de Contratos, Pacote Office e Gestão de Dados. Para se candidatar a esta e outras vagas basta acessar o site e se inscrever gratuitamente.
Beach Park tem 290 vagas de trabalho temporário para o verão

Beach Park tem 290 vagas de trabalho temporário para o verão

Emprego, Notícias
O complexo turístico Beach Park, localizado em Fortaleza-CE, está com inscrições abertas para 290 vagas de contratação temporária para o verão 2019. As vagas abertas são para atuar como consultor de turismo, instrutor de brinquedo, churrasqueiro, atendente, caixa, garçom, serviços gerais, entre outros. Os candidatos não precisam ter experiência na área, somente disponibilidade para trabalhar de dezembro de 2018 a fevereiro de 2019: “Geralmente, para vagas que não exijam formação ou conhecimento técnico prévio, damos preferência a pessoas que procuram seu primeiro emprego, gerando oportunidades para os jovens da nossa região”, explicou a coordenadora de Recursos Humanos do Beach Park, Selma Freitas. Os funcionários têm grandes chances de serem efetivados após o fim do contrato. Na últim
Reforma trabalhista completa um ano com questões não resolvidas

Reforma trabalhista completa um ano com questões não resolvidas

Emprego, Mais lidas, Notícias
No dia 11 de novembro de 2017 entrou em vigor a Lei 13.467/2017 – mais conhecida como reforma trabalhista. A maior alteração já feita na Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT) brasileira comemora um ano sem, no entanto, gerar resultados concretos e sendo questionada em diversos trechos que não foram pacificados em razão de uma medida provisória que perdeu a validade. A reforma trabalhista foi uma das principais medidas do governo do presidente da República, Michel Temer. Promulgada em julho de 2017, a reforma foi programada para entrar em vigor 120 dias depois, no dia 11 de novembro. Relembre Apresentada pelo Executivo em dezembro de 2016, a reforma foi aprovada rapidamente pelo Congresso: foram quatro meses na Câmara dos Deputados e menos de três no Senado. Na Câmara o texto recebeu
Registros de CNPJ têm a primeira queda em 2017 após cinco anos

Registros de CNPJ têm a primeira queda em 2017 após cinco anos

Emprego, Notícias, Pesquisas
Em 2017, após cinco anos de crescimento, ocorreu a primeira queda na taxa de registro no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ) entre as pessoas ocupadas como empregador ou trabalhador por conta própria. A proporção passou de 23,9%, em 2012, para 30%, em 2016, mas caiu para 28% em 2017. As informações são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua), divulgada nesta quinta-feira (8). Segundo a pesquisadora Adriana Beringuy, no período de 2016 a 2017, as maiores quedas na taxa de cobertura do CNPJ ocorreram nas atividades que concentravam a maior parte da população ocupada: Serviços, com queda de 36,9% para 34,2%, Indústria geral, de 29,6% para 27,1%, e Comércio, reparação de veículos automotores e motocicletas, de 43,8% para 42,5%. “Justamente as ativi